Frango com Manteiga de Especiarias


Sabores, aromas, uma mescla de sensações é aquilo que se desfruta deste maravilhoso frango.



Ingredientes
1 Frango inteiro
125 g de Manteiga à temperatura ambiente
1 dente de Alho
1 colher de café de Gengibre
1 colher de café de Cominhos
1 colher de café de Noz Moscada
1 coher de chá de Paprika
1 colher de chá de Acafrão
1 colher de chá de Caril 
1 pitada de cravinho
1 Limão
Sal

Preparação 
1. Coloque numa taça a manteiga o sal, o alho bem picado, as especiarias e umas gotas de sumo de limão. Misture tudo.

2. Recheie o frango com um pouco deste creme e meio limão.

3. Com os dedos, descole a pele do frango no peito e nas costas. Recheie agora também (entre a carne e a pele) com o creme preparado
4. Amarre o frango nas pernas (como na foto).

5. Barre o restante creme por todo o frango.

6. Coloque numa assadeira e leve ao forno nos 180º até ficar douradinho.

Dica: Vá regando o frango durante o processo de assadura com a gordura que vai largando. 



A planta do gengibre é perene e cresce nos trópicos. Provavelmente é originária da Ásia Central e do Sul. Actualmente, a planta é cultivada na Índia, Indonésia, China, Japão, Austrália, América do Sul e Nigéria. Utiliza-se a raíz seca, fresca, moída ou em conserva.Tem um sabor ardente, agradável e aromático e tem um cheiro forte a especiarias. O gengibre é um condimento comum na cozinha do Extremo Oriente. É utilizado para condimentar pratos de caril, sopas, carnes de aves e carneiro, assim como peixe e frutos do mar. O gengibre intensifica o sabor de salada de fruta e arroz.

Os cominhos são oriundos do Mediterrâneo Oriental e do Egipto. Hoje, são cultivados, principalmente, na África do Norte e nos países do Médio Oriente, Índia e México. Utilizam-se as sementes secas, inteiras ou moídas. O sabor dos cominhos é agradável, fresco e o aroma é acentuado. É usado, principalmente, na cozinha árabe, no extremo Oriente (pratos de arroz indonésios e chutney indianos) e América Latina (chili com carne). Por cá é utilizado no fumeiro, em pratos típicos como as "Papas de Sarrabulho" (Minho) e em pratos de carne e caça.

A moscadeira é uma árvore natural das Molucas ou Nova Guiné. Presentemente crescem na Indonésia, Índia Ocidental, Madagáscar, Ilhas Maurícias e também no Brasil. A noz-moscada não é o fruto da árvore mas sim a semente que se encontra envolta numa película fina. Tem um cheiro muito agradável e o sabor é condimentado e ligeiramente picante. Utiliza-se frequentemente em puré de batata, creme de espinafres e de couve-flor e sopas de legumes em geral, molhos, ovos, pratos de peixe e de carne. Também se pode usar no fondue de queijo e em sobremesas, como os custards, pudins e frutas cozidas.


A paprika, mais conhecido em Portugal por pimentão, é uma especiaria obtida do pimentão-doce depois de seco e moído, muito usada na cozinha como condimento. O pimentão-doce é uma variedade de Capsicum annuum, da família das Solanaceae. A sua origem é latino-americana, mais especificamente da região central e do México. Diversas variedades desta espécie são utilizadas de acordo se se pretende um condimento mais ou menos picante. Pode ser usada nos pratos de carne de vaca, porco, borrego e aves, mas também liga bem com peixe, sopas, pratos de ovos e de queijo, assim como com algumas saladas.

O açafrão é natural da Ásia e é cultivado na Índia, China, Irão e Iraque, assim como na bacia do Mediterrâneo, especialmente em Espanha. O açafrão da província espanhola de La Mancha é considerado o de melhor qualidade. O sabor do açafrão é ácido, amargo ou picante, e dá um tom amarelo aos alimentos. É utilizado na preparação de pratos picantes, como a paella espanhola, a bouillabaisse francesa e o risotto alla milanese italiano. Usa-se também em muitos pratos de arroz e liga bem com borrego, aves e peixe. O açafrão é muito apreciado tanto como tempero como pela cor atraente que dá aos alimentos.

O caril é a mais conhecida mistura de especiarias. Embora seja um produto indiano, foram os ingleses que o inventaram. Dependendo da variedade, os ingredientes do caril são agradáveis, intensos e picantes. Normalmente o caril e o arroz são inseparáveis. No entanto, pode condimentar pratos de carne, peixe e vegetais. Liga muito bem com quiabos, vegetais e legumes, assim como com banana e manga.

O cravinho é originário das Ilhas Molucas na Indonésia, as "Ilhas das Especiarias". Hoje em dia, esta árvore cresce na Indonésia, Madagáscar, Tanzânia, Sri Lanka e Malásia. O sabor do cravinho é intenso e ligeiramente picante. O seu cheiro é muito pronunciado. Realça o sabor de pratos doces, alimentos assados e ponche. Dá um aroma especial e apimentado a pratos de carne e peixe, assim como a carne de caça, aves, batatas, couve roxa, marinadas de todos os tipos e alimentos fumados. 


E  são todos estes aromas que ganha neste frango.
Acompanhei com uma salada de alface, quejo e bacon.

Espero que gostem!


20 comentários:

  1. COM ESSES TEMPEROS DEVE SÓ PODE TER FICADO UMA DELICIA.
    ESTA MESMO NO PONTO QUE EU GOSTO.
    ACHO QUE VOU ALMOÇAR AI...
    BOM FIM DE SEMANA
    BJS

    ResponderEliminar
  2. Que coincidência, hoje também postei frango :) Este tem muito bom ar.
    Bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  3. Muito bom aspecto, deve ter ficado uma delicia!

    Bj

    ResponderEliminar
  4. HUmmm franguinho bom, também faço muitas vezes cá em casa=) beijinhos e bom fds

    ResponderEliminar
  5. Como te entendo, quando falas dos valores. Esses que deveriam vir de cima, são os piores. É uma batalha, para quem tem filhos, ensinar tudo o que os nossos pais nos ensinaram. E muito dificíl , vê-los ultrapassados pelos que não têm respeito.
    Gostei muito do teu frango. uma receita em conta, nos dias que correm tem todo o valor.
    Bjkas

    ResponderEliminar
  6. Boa noite! Que tempero tão bem pensado, deve ter ficado uma delícia!
    Andava a passear de blog em blog quando vim aqui parar. Devo dizer que gostei muito e que já estou a seguir! Vou entretanto continuar a ver o resto das receitas :)
    Beijinhos,
    Inês

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda Inês. É sempre um gosto recebê-la neste espaço!
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Que apetitoso que está! Adoro frango no forno :D
    beijinho

    ResponderEliminar
  8. Que maravilha Ricardo e com estas especiarias maravilhosas que eu adoro!!
    Beijinhos,
    Lia.

    ResponderEliminar
  9. Este frango ficou com um magnífico aspeto. Com estas especiarias só pode resultar numa delícia.
    Bj
    Márcia

    ResponderEliminar

Olá!
Obrigado por passar por este espaço e por querer partilhar algo. A sua opinião é sempre importante para manter este recanto do seu agrado.
Cumprimentos e volte sempre!